Telephone
A- A A+

Apresentação

A excelência da comunicação escrita constitui um dos maiores desafios para o profissional que deseja obter sucesso no cenário de competitividade que hoje se apresenta. Está demonstrado que, no processo de comunicação, não é suficiente apenas deter o conhecimento do conteúdo; mais que isso, é preciso dominar as técnicas de transmissão das informações. 

Relatório e parecer técnico referem-se a textos profissionais que requerem precisão e clareza, pois transmitem dados e informações que irão subsidiar importantes decisões. Portanto, é necessário redigi-los observando as qualidades fundamentais desses documentos e evitando vícios de linguagem que podem comprometer as informações a ser apresentadas, a credibilidade do redator e mesmo da instituição que os emite.

Se ao receber a incumbência de escrever documentos oficiais sua primeira sensação é de apreensão ou receio, esse curso é indicado para você. Ele o ajudará, mesmo que já tenha escrito muitos documentos, a aprimorar a sua redação e adequar os aspectos técnicos aos padrões oficiais.

Curso  completo com ensino de métodos e técnicas para escrever de forma clara, objetiva, impessoal, concisa e correta documentos oficiais: memorando, ofício, aviso, nota técnica, exposição de motivos, mensagem, pareceres e relatórios, segundo o novo acordo ortográfico da língua portuguesa, o Manual de Redação da Presidência da República (versão atualizada e ainda não publicada) e os ensinamentos dos mais conceituados gramáticos, filólogos e linguistas atuais. Aborda também a questão do uso da internet: a linguagem do e-mail  versus redação oficial.

 

Desenvolver técnicas que ajudem a produzir documentos oficiais, relatórios e pareceres técnicos de maneira clara, precisa e concisa, no contexto administrativo, tornando a comunicação eficiente e eficaz. 

Além disso, o curso pretende estimular a reflexão crítica sobre a realidade; fornecer ao treinando instrumentos que o auxiliem a redigir documentos oficiais, relatórios e pareceres com maior segurança, clareza, objetividade e concisão; melhorar o fluxo de comunicação intra e inter segmentos e órgãos, assim como entre a instituição e os clientes; e despertar no treinando a consciência de que comunicação é processo de crescimento.


O curso será contextualizado por meio de material didático, exercícios individuais, exposição dialogada e recursos audiovisuais relacionados à realidade profissional dos participantes.

 

- Profissionais de empresas públicas e privadas que se utilizam com frequência da comunicação oficial.

- Gestores e servidores públicos que elaboram e analisam relatórios e pareceres técnicos.

- Secretárias, Assistentes, Coordenadores, Diretores, Secretários, Chefes de Gabinete, Ordenadores de Despesa, Procuradores, Advogados, Administradores, Auditores e Controladores internos e externos e Consultores.

- Servidores públicos das áreas de RH, Auditoria, Contratos, Financeiro, Projetos e Jurídico.

- Funcionários do Sistema “S”, Federações da Indústria, Fundações, Autarquias, e Empresas Estatais.

Destaques

Ênfase na metodologia e técnicas para escrever de forma clara, objetiva, impessoal, concisa e correta documentos oficiais: memorando, ofício, aviso, nota técnica, exposição de motivos, mensagem, segundo o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa e o Manual de Redação da Presidência da República.

 

Palestrantes

ISMÊNIA TIMO DE CASTRO

Professora Licenciada em Letras pela universidade de Brasília - Unb. Especialista em Didática do Ensino Superior, pela Universidade Católica de Brasília – UCB, Psicopedagogia, pela Universidade do Centro Universitário de Brasília – Uniceub e em Capacitação do Servidor Público, pela Escola de Aperfeiçoamento dos Profissionais em Educação - Eape. Atuou como docente, coordenadora de grupos e multiplicadora, por 23 anos, na Secretaria de Educação do DF - SEDF.

Atua com capacitação do servidor público há mais de 20 anos, nas esferas federais, estaduais e municipais, assim como, em empresas privadas. Atua na área de consultoria e treinamento atendendo a diversos órgãos da administração direta, indireta, técnica, fundacional e empresarial.

Programação

I. Ofícios, Memorandos, Despachos, Mensagens e Avisos

- Definição e finalidade

- Forma e estrutura

- Exemplos práticos

- Pronomes de tratamento: vossa excelência (Poder Executivo, Judiciário e Legislativo)

- Fechos para Comunicações: respeitosamente, atenciosamente etc

- Identificação do signatário 

- Padrão Ofício: tipo, local, data, assunto etc

- Formas de diagramação 

 

II. Relatórios, Pareceres e Notas Técnicas 

- Macroestrutura do texto argumentativo

- Formas de persuasão

- Argumentos e contra-argumentos

- Conceitos de relatórios e pareceres

- Tipos de pareceres e relatórios técnicos

- Estrutura de parecer e relatório técnico

- Técnicas para escrever pareceres e relatórios

- Conceito, importância, especificidades e impacto na gestão

- A formalização do relatório e do parecer em função do contexto

- Estrutura – introdução, desenvolvimento e conclusão

- Recursos de formatação e ilustração 

- Estilo e linguagem do moderno texto administrativo

- Qualidades do texto de notas técnicas, relatórios e pareceres

- Vícios em notas técnicas, relatórios e pareceres 

- Características de notas técnicas, relatórios e pareceres

- Classificação de notas técnicas, relatórios e pareceres

- Organização de notas técnicas, relatórios e pareceres

- Técnicas para elaboração de notas técnicas, relatórios e pareceres

     

III. O uso da internet: a linguagem do e-mail é compatível com a redação oficial?

- A comunicação por e-mail tem valor documental?

- A certificação digital

- Qual o significado da linguagem da internet em termos de evolução da linguagem?

        

IV. Princípios norteadores da Produção Textual

- A comunicação e sua importância

- Competência textual: escrever de forma adequada

- A elaboração do texto 

- O uso da linguagem técnica

- Os níveis de linguagem

- Estilo e linguagem do moderno texto administrativo

- Semântica: palavras e expressões adequadas

- Como definir claramente o objetivo do texto e manter o foco nas necessidades     

   informacionais do leitor

- Como adequar a linguagem ao público e ao contexto situacional da mensagem

- Como deixar claro as ações que se pretende desencadear

- Como evitar vícios de linguagem, capazes de afetar a credibilidade do redator e, consequentemente, da instituição a que pertence

 

V. Construindo a lógica das informações

- A ordenação de ideias visando à coerência textual

- Os elementos da coesão textual, fundamentais para o encadeamento das ideias entre parágrafos

 

VI. Expandindo o texto

- A divisão do texto em partes, capítulos, seções e subseções

- A organização e a expansão do corpo do texto

- A estrutura deve/pode/convém

- Os anexos, as notas pé de página e as notas de texto

 

VII. Práticas de Redação Oficial segundo o Manual de Redação da Presidência (versão atualizada ainda não publicada)

- Estruturação de texto oficial: elementos essenciais, pronomes de tratamento, vocativos e fechos de correspondência;

- Documento oficial (memorando, ofício, aviso), definição, finalidade, circulação e competência.                

 

VIII. Gramática aplicada aos documentos oficiais

Padronização 

- Destaques (aspas, negrito, sublinhado e itálico)

- A simbologia nas unidades de medida (hora)

- Siglas

- Abreviaturas

- Escrita de números

- ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas)

- Lei Complementar nº. 95/98

 

Atualizações com base no novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa

 

Informações

HOTEL SAN PEDRO 

Rua São Miguel, 1113. São Francisco. Pedreiras - MA. 65725-000.

Telefone: 99 3642-3718

 

21 e 22 de Setembro de 2018

 

Credenciamento: 8h às 8h30

Palestra: das 8h30 às 12h30 das 14h às 18h

Coffee-break: às 10h e às 16h

Almoço: às 12h30

 

16 horas

Sobre a Inscrição

R$ 2.890,00 (por participante)

Inclusos: Material de apoio (canetas, blocos e pasta), apostila específica do evento, certificado de participação no evento, 2 almoços e 4 coffee-breaks. 

 

A cada 5 (cinco) inscrições do mesmo órgão e vinculadas à mesma fonte pagadora, a NTC Eventos concederá cortesia para uma sexta inscrição.

 

O pagamento deverá ser efetuado em favor de:

NTC  Treinamentos, Eventos e Serviços Ltda.

CNPJ: 10.614.200/0001-98

 

Banco do Brasil

Agência: 1505-9 Conta: 45397-8

 

O cancelamento e/ou substituição de inscrição deverá ser solicitado por escrito, e será aceito se enviado para o endereço de e-mail eventos@ntceventos.com.br ou fax: (63) 3212-1177, até 2 (dois) dias antes da realização do evento. Caso o participante/substituto não comparecer ao evento, o valor da inscrição não será reembolsado. Será aceita a conversão do valor pago, em crédito para inscrição nos futuros eventos da NTC.